Logo Sempre Bem
Ícone de busca
Ícone do ecommerce
Ícone de busca

Por Que Não Colocamos Em Prática As Metas De Ano Novo?

29 dez 2019

29 dez 2019

2019 tá indo embora e 2020 já tá aí batendo na nossa porta. E nessa época de transição, é comum a gente fazer várias promessas, né? A psicóloga Jamille Façanha veio explicar pra gente porque não conseguimos realizar tudo que planejamos.

O que acontece e que tipo de bloqueio a gente tem, que fica tão difícil cumprir as promessas e as metas para o ano seguinte?

“Quando a gente gera promessas, a gente gera no momento de emoção e está pensando nos benefícios e não nos sacrifícios envolvidos no alcance da meta. Colocamos uma meta grande e não pensamos em tudo o que vamos precisar fazer todo dia para conseguir chegar naquela meta durante este ano”, explica a psicóloga.

O ideal seria reduzir um pouco a expectativa da meta para que eu consiga cumprir efetivamente?

Segundo Jamille, as pessoas devem diminuir essa lista de metas, porque toda mudança exige muito sacrifício, e é preciso focar na mudança. Então, se a pessoa faz uma lista muito grande, ela não vai conseguir cumprir e vai precisar fazer uma mudança geral na rotina para deixar com que aquela meta audaciosa seja abarcada. 

O que acontece com as metas genéricas, por exemplo, eu quero ser melhor em 2020?

As pessoas não conseguem ter um foco nessas metas devido ao significado que têm para cada um. “Para mim, ser melhor pode ser diferente do que é pra você. Então, especificamente o que eu quero fazer diferente pode ser: metas mais objetivas, uma lista de metas menor, perceber quais metas vamos precisar de ajuda”, ressalta Jamille.

Isso ocorre porque tem outros fatores envolvidos e passamos a observar o nosso comportamento no dia a dia. Com isso, é necessário entender que todas essas mudanças colocadas em promessas de Ano Novo são mudanças amplas. Para a especialista, quanto mais específica for a meta, mais fácil será de planejar sua execução.

Qual é melhor maneira de encarar o futuro?

Conforme a psicóloga, é preciso entender que o futuro faz parte da nossa criação também. Esse comportamento de esperar cair do céu a mudança e esperar as condições ideais da mudança são ilusórios. Ou seja, é a gente tirar o nosso poder sobre o que podemos fazer sobre a nossa própria vida. 

O que a pessoas querem deixar em 2019 e o que elas estão esperando e querem levar para 2020?

Os sentimentos e palavras negativas e as tragédias que aconteceram no país neste ano são as principais coisas que as pessoas gostariam de deixar em 2019. Sobre o que desejam levar para 2020, a maioria das pessoas quer paz, positividade, amor-próprio e se preocupar com o que realmente importa.

Apesar de ter muitas coisas legais, segundo a especialista ainda existe muita meta genérica. “Falar do ano de uma forma tão genérica dificulta fazer a meta para o ano seguinte. Mas se a gente for pensar, essa visão do ano é cíclica. A gente passa magicamente pelo ano novo e tem a sensação de renovação”, comenta.

Acontecem muitas coisas inesperadas durante o ano, que fazem as pessoas olharem para ele como algo muito difícil. Conforme Jamille, precisamos de uma renovação e esse espírito do ciclo faz parte da vida humana.

Façam aí as metas de vocês de uma maneira que consigam realizar e ter um 2020 incrível.

Conteúdos relacionados

Matéria originalmente veiculada no programa de 29 de dezembro de 2019.

Você pode gostar

A importância do magnésio para a saúde
Saúde

A importância do magnésio para a saúde

Como prevenir e tratar a lesão por esforço repetitivo
Saúde

Como prevenir e tratar a lesão por esforço repetitivo

Miss Universo ressalta a beleza negra
Beleza

Miss Universo ressalta a beleza negra